USP Debate
redes sociais

USP ganha título em campeonato mundial de debates

03/05/2019

USP ganha título em campeonato mundial de debates

Entre os dias 24 e 28 de abril a USP foi representada no II Campeonato Mundial de Debates em Língua Portuguesa (CMDLP) realizado na Universidade de Lisboa, contando com 130 participantes de 11 nacionalidades diferentes.

A estudante de Relações Internacionais e membra do USP Debate Alice Bertoni participou o torneio como dupla de Gabriel Gomes, estudante de engenharia na UFRN, disputando ao longo do torneio cinco debates classificatórios junto aos melhores debatedores lusófonos do mundo e obtendo uma vaga para a final de iniciados, vencida por eles.

Final de iniciados do II CMDLP

O modelo adotado na maioria dos campeonatos nacionais e mundiais de debates é o British Parlamentary, onde 4 duplas debatem uma moção, sendo o posicionamento delas (favorável ou contrário) definido por sorteio. Ao longo do debate tivemos moções sobre diversos temas como desatres naturais, uso de energia nuclear, modelos prisionais, medicalização e povos indígenas. Na final de iniciados a moção debatida foi sobre sentimentos: "Existe uma poção que garante que o utilizador nunca mais se pode apaixonar. Os efeitos desta poção são irreversíveis. Esta casa permitiria, a qualquer adulto que consentisse, tomar esta poção.". Alice e Gabriel foram sorteados para se opor a essa permissão e conseguiram trazer argumentos convicentes e que persistiram até o final do debate, vencendo e recebendo o primeiro título mundial já recebido pelo Brasil em torneios de debates.

Esta categoria é destinada a duplas cujos debatedores tenham menos de 1 ano de experiência de participação em campeonatos, com as 4 melhores duplas desta categoria se classificando para uma final própria, cujo título representa um potencial ainda maior dos debatedores que ainda estão no início de sua carreira em campeonatos de debates.

O USP Debate atualmente também detém o título de Campeões Brasileiros nesta mesma categoria de iniciados, recebido em setembro do ano passado no V Campeonato Brasileiro de Debates pela dupla Luiza Stolf e Matheus Franciscão, estudantes de Ciências Sociais e Economia, respectivamente, na USP. Além disso também foi semifinalista do Torneio RioSP, realizado na USP em novembro de 2018, e também teve a 4ª melhor juíza do campeonato, Yasmin Fauze, estudante de direito. Além do título mundial, Alice também obteve no campeonato a classficação de 19ª melhor debatedora do mundo lusófoso, sendo a 2ª melhor dentre as mulheres.

Alice em seu discurso na final de iniciados do II CMDLP

Tags: competições